Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

OLHAR DE UM VELHO NISSEI

Basta lembrar: o preço é o preço....

Por: Laut Iong Fu

Muito engraçado brasileiro, fica esperando gorjeta por tudo que faz – como sou mui educado às vezes tento explicar que não é por aí... Não existe qualquer gorjeta em qualquer que seja a situação no Japão - táxis, restaurantes, serviços pessoais... Brasileiro é folgado, mas nem todos. Às vezes saio para comer com minha família e acabamos sendo interpolados por 10% do garçon, a coisa aqui é tão séria que até já virou quase que um lei dá gorjeta. Dar gorjeta é, na verdade, um pouco insultuoso, ofensivo; pois os serviços que você pediu estão no preço determinado, então porque pagar mais? Às vezes em Tóquio os garçons de alguns restaurantes acabam aceitando as gorjetas dos turistas para não ter que explicar toda essa história embaraçosa do conceito japonês sobre gorjeta. Então já sabem – quando forem ao Japão honoráveis jovens: Basta lembrar: o preço é o preço. Matta ne!

Nenhum comentário:

Postar um comentário