Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

domingo, 5 de junho de 2011

Caju está de volta com mais um saboroso livro:

 Por Daniel Andrade.

O grande camarada Fred Caju não, faz muito tempo lançou, o seu mais novo livro virtual (disponível aqui no nosso blog para downloads),o décimo primeiro filho de uma carreira de poeta a vento em polpa. Como sempre o seu livro vem cheio de novidade, ao estilo Caju de ser, com todo um requinte de quem sabe falar e fazer poesia. Não muito diferente de Monopólio da Solidão (disponível aqui no nosso blog para downloads) o seu novo livro Contradições Coerentes para mim já é um dos grandes feitos da poesia pernambucana, e, por que não nordestina. Por que fiz toda essa propaganda? por que o livro é bom mesmo! Sem muito leriado vou deixar vocês com um dos poemas que quando bati a vista já achei o máximo.

LITORAL
A Henrique Dantas Pinheiro de Menezes
As ondas quebram,
tubarões comem surfistas.
Crianças brincam,
como se fossem artistas.

Castelos de areia:
um reino de ilusão.
Mulheres-sereias:
incontrolável paixão.

Sal na água
para esterilizar a maldade.
Sol intenso,
simplesmente claridade.

*

Surfistas comem ondas,
quebram os tubarões.
Artistas, como se fossem
crianças, brincam.

Reinados de areia:
uma ilusão de castelo.
Sereias da paixão:
mulheres incontroláveis.

Maldade salgada
esterilizada pela água.
Intensidade clara,
solar e simples.


Fred Caju/ do livro Contradições coerente (2011)

2 comentários:

  1. É isso aí. E você destacou justamente um dos poemas que mais me chamou atenção. E há muitos mais do mesmo nível.

    Abração.

    ResponderExcluir
  2. Adorei... principalmente por causa das trocas na outra versão.
    =)

    ResponderExcluir