Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

segunda-feira, 19 de março de 2012

EPIGRAMA Nº 9

                                                             O vento voa,
                                                             a noite toda se atordoa,
                                                             a folha cai.


                                                             Haverá mesmo algum pensamento
                                                             sobre essa noite?
                                                             Sobre esse vento?
                                                             Sobre essa folha que se vai?


                                                                              Cecília Meireles

E como ultimamente o ORÓS (1977) do Fagner não cansa de girar na minha agulha, segue aí o que o cearense fez com o poema:


E acertou quem imaginou que o arranjo fosse do Hermeto Pascoal.
  

7 comentários:

  1. Valeu pelo poema de Cecília, além da voz de Fagner e a magia albina de Hermeto!

    ResponderExcluir
  2. que maravilha Fred! que boa escolha.

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Pois é, bicho. Às vezes a gente olha tanto pra psicodelia inglesa que se esquece que gente doidona tem em toda parte. E que o Nordeste dos anos 70 foi um senhor celeiro psicodélico.

      Excluir
  4. Amigo Fred, eis uma poetisa que o Brasil inteiro (os amantes da boa poesia) gosta. Fagner é muito bom! Gosto também de alguma coisa do Ednardo.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. Esse poema de Cecília Meireles é lindo.Eu não conhecia o video.
    Fagner é incrível. O que ele faz com os poemas é extraordinário.
    Eu adoro Fanatismo de Florbela Espanca cantado por ele.Abraços.

    ResponderExcluir