Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

sábado, 21 de abril de 2012

RILDO DE DEUS


A caverna é cheia de olhos
Esbugalhados onde cabe o mundo.
Olhos devoradores de sangue
Guardados na amônia
Conservados ao definho.
Homens, salvem-se deses olhos
É necessário. São vários tem todo corpo
Os tenho dentro do peito
Chakares da ignorancia
Fechem-os. É necessário.
Eu não posso mais.
  

Poema de Uma Jaca Jacaiu Perto de Tu?, e-book do projeto CASTANHA MECÂNICA.
      

2 comentários: