Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

quinta-feira, 14 de junho de 2012

A poesia está guardada nas palavras



A poesia está guardada nas palavras - é tudo que eu sei.
Meu fado é o de não saber quase tudo.
Sobre o nada eu tenho profundidades.
Não tenho conexões com a realidade.
Poderoso para mim não é aquele que descobre ouro.
Para mim poderoso é aquele que descobre as insignificâncias
(do mundo e as nossas).
Por essa pequena sentença me elogiaram de imbecil.
Fiquei emocionado e chorei.
Sou fraco para elogios.

Manoel de Barros, In Tratado geral das grandezas do ínfimo,
Ed. Record, 2001

2 comentários:

  1. A poesia não define, aponta;
    A poesia não estranha, admira;
    A poesia não rebate, acolhe;
    A poesia não descobre, acha;
    A poesia não debate, aceita;
    A poesia não desdenha, pensa;
    A poesia não escolhe, enxerga;
    A poesia não pratica, vê;
    A poesia não corre atrás, espera;
    A poesia não apela, é.

    ResponderExcluir
  2. fODÁSTICO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir