Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

terça-feira, 17 de julho de 2012

Mini conto

A VINGANÇA É UM PRATO QUE SE COME COM PRAZER
Há muito descobri na roupa dele o perfume caro, longos fios de cabelos loiros, manchas de batom, recibos de motéis de luxo – todo o elenco de constantes e rotineiros casos amorosos. A última coisa que penso é arrastá-lo ao tribunal para denunciar a infidelidade. Antes, tratei de transferir o dinheiro do banco para meu nome, vender todas as jóias e obras caras e ficar com a grana apurada. Hoje, passagens para as ilhas Seichelles nas mãos, namorado já telefonou do aeroporto, não vejo inconveniente algum que o crápula tenha seus casos. Amanhã quando ele descobrir que está pobre e que me fui para sempre, talvez entenda. JAIR, Floripa, 27/11/09.

5 comentários:

  1. Uma interessante forma de vingança.Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom! A vingança não substitui o vazio... mas que dá uma coisinha por dentro, tipo "Yes!!!" Ah, isso dá!

    ResponderExcluir
  3. Vingança
    Lupicínio Rodrigues

    Eu gostei tanto,
    Tanto quando me contaram
    Que ihe encontraram
    Bebendo e chorando
    Na mesa de um bar,
    E que quando os amigos do peito
    Por mim perguntaram
    Um soluço cortou sua voz,
    Não ihe deixou falar.
    Eu gostei tanto,
    Tanto, quando me contaram
    Que tive mesmo de fazer esforço
    Prá ninguém notar.
    O remorso talvez seja a causa
    Do seu desespero
    Ela deve estar bem consciente
    Do que praticou,
    Me fazer passar tanta vergonha
    Com um companheiro
    E a vergonha
    É a herança maior que meu pai me deixou;
    Mas, enquanto houver força em meu peito
    Eu nao quero mais nada
    Só vingança, vingança, vingança
    Aos santos clamar
    Ela há de rolar como as pedras
    Que rolam na estrada
    Sem ter nunca um cantinho de seu
    Pra poder descansar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Covardia! Ripostar meu humilde mini conto com produção admirável do imortal Lupicínio é demais, pode me tornar eunuco literário para sempre, posso ficar inibido para cometer qualquer heresia literária daqui para frente.

      Excluir
    2. Pare de modéstia! Essa música é demais, não é mesmo?!

      Excluir