Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012


Conto minimalista

Os 84 Natais de Natalício
Autor: Fernando Alves
Nascido em 25 de dezembro, chamava-se Antônio Natalício. Era assim, um filantropo, desprendido de vaidades e de valores materiais. Passara a vida, inteira, dedicando-se às ações de assistência aos menos necessitados. Acreditando que a sociedade civil não deve esperar pelo governo para sanar as desigualdades entre as classes. Acreditando no poder da solidariedade irrestrita como forma de diminuir as necessidades de tantos necessitados. No aniversário dos seus 84 anos, com olhos tristes, do velho que se tornou, ruminando as notícias ditas no aparelho de TV, um lampejo tocou sua mente. Viu, em meio às luzes natalinas, as mãos dos eternos necessitados, estendidas em forma de concha, de palmas para acima, esperando para se encherem, outra vez e sempre, do assistencialismo civil e governamental. Mesmo assim sentiu-se feliz por ser Natalício.

Ricardo F Banholzer
Dezembro / 2012

Um comentário: