Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

In Sexta

Onde se vê graça, de graça


  • O que me impressiona, à vista de um macaco, não é que ele tenha sido nosso passado: é este pressentimento de que ele venha a ser nosso futuro.

  • O único esporte que pratico é a luta livre com meu anjo da guarda.

  • E que fique muito mal explicado. Não faço força para ser entendido. Quem faz sentido é soldado...

  • A minha vida é uma colcha de retalhos.Todos da mesma cor.


Mario  Quintana
       

9 comentários:

  1. Aplausos!Aplausos!Aplausos ao GRANDE POETA!!!!
    Adorei a postagem. Abraços Cristiano.

    ResponderExcluir
  2. Seguinte: para mim esse moço foi o melhor poeta do Brasil, morrerei dizendo isso.

    ResponderExcluir
  3. Hoje eu começo a achar que o quintana é o maior poeta da lingua portuguesa!
    Um abraço

    ResponderExcluir
  4. Se o macaco fosse o nosso futuro, haveria esperança de salvar o mundo.

    ResponderExcluir