Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Valmir Jordão no Castanha Mecânica



Valmir Jordão é oriundo da geração 80 do cenário poético recifense e esta é a décima quarta publicação independente de sua lavra. Sem papas na língua, nosso vate fala do Recife, de Olinda, do amor, do comportamental, da política, da história e outras coisitas mais. “poemas diversos” é um livro instigante e atualíssimo, onde a sua veia crítica/cítrica, permanece mordaz e vigorosa com textos inéditos e interessantes. A obra foi autorizada pelo autor para incorporar o acervo do projeto e a sua versão impressa pode ser adquirida pelo poeta via e-mail.

CONFIRA O E-BOOK LÁ NO CASTANHA MECÂNICA.



reciferido

oh! minha bela, inefável
e inescrupulosa veneza.
dos mercados e mascates,
hoje perseguidos porque
pobres enfeiam a cidade.
e, a especulação imobiliária
projeta-se sobre a ambição
dos farisaicos governantes.
teu podre hálito, reflete-se
nos fétidos discursos dos
infectos poderes, e na
sua gênese reacionária.
cidade invadida, cidadãos excluídos
de suas benesses e riquezas.
das bacanais nos carnavais
regadas no erário, bancada
pelos otários e, dadivadas
aos condes joões, aos
barões sebosos e aos
séquitos famintos.
salve, Recife! cidade madrasta
prostituta dos vampiros
de todas as dicções e origens.
meu Capibaribe, Capiberibe!
descapibaribado pela
indiferença dos gestores
e do perjúrio oficial...


Valmir Jordão
      

Um comentário: