Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

sábado, 13 de julho de 2013

Conversas Vadias de Sábado

Hoje vou falar sobre as violas de arame portuguesas.
As violas de arame portuguesas são cordofones beliscados, em forma de 8 e com cordas duplas e por vezes triplas. Apesar da sua forma em 8 não são aparentadas com o violão, aceite ter sido introduzido em Portugal no século XVIII a partir de França. As violas de arame portuguesas são mais antigas que o violão e evoluíram a partir da vihuela espanhola.
Breve descrição das violas de arame portuguesas:

  • Viola Amarantima 5 ordens duplas de cordas (Lá4,Mi4,Si3,Lá 3, Ré3) Douro Litoral Amarante
  • Viola beiroa  5 ordens duplas de cordas. Tem ainda duas cordas simples e cujas cravelhas estão situadas no fundo do braço. São tocadas soltas e t~em o nome de requintas e afinam em Ré5. A afinaçã das 5 ordens de cordas - (Ré4, Si3,Sol3,Ré3,Lá2). Beira Baixa.
  • Viola Braguesa. típica da região de Braga possui 5 ordens duplas de cordas. Afinação mais comum ( Lá4,Mi4,Si3,Lá 3,Ré3)
  • Viola Campaniça, típica do Alentejo possui 5 ordens de cordas. As três mais agudas são duplas e as duas ordens mais graves são triplas. Afinação (Si3, Sol3,Mi3,Lá2, Mi2).
  • Violas de arame da Madeira e dos Açores. A viola da madeira tem 5 ordens de cordas duplas.Nos Açores a viola da Ilha de S. Miguel tem 5 ordens de cordas. As três ordens mais agudas são duplas e afinam em uníssono e as duas ordens mais graves são triplas e afinam em oitava, como é a regra praticamente geral para as violas de arame portuguesas. A viola da Ilha Terceira  possui também 5 ordens de cordas como a sua irmã de S. Miguel. É de refereir que na Terceira existem tmabém as violas de 15 cordas e de 18 cordas, com uma sexta e sétima ordens de cordas respectivamente e geralmente afinadas ao gosto do tocador..
  • Viola toeira, típica da beira Litoral e em especial de Coimbra. tem 5 ordens duplas de cordas cuja afinação segue a regra geral da afinação destes cordofones. (Mi4,Si3,Sol3,Ré3,Lá2).
Deixo um exemplo em vídeo. Trata-se da viola da terra da Ilha de S. Miguel que tem a particularidade de ser tocada exclusivamente utilizando a técina da figueta, ou seja usando apenas o polegar. Fica o tema tradicional comum às Ilhas Açoreanas - Saudade.


5 comentários:

  1. Gostei de saber um pouco mais sobre as violas portuguesas. Desejo-te um bom domingo!! Fica com deus!! http://pontodecruzdamafalda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Mafalda.
      Um bom Domingo e bom início de semana.

      Excluir
  2. Uma riqueza, as violas portuguesas.
    Tão bonito o langor dessa viola! Obrigada pela partilha

    Uma boa semana!!!

    ResponderExcluir
  3. Limerique

    Instrumento de complicado cordame
    Mas cujo cuja corda beliscada brame
    Instrumento de pau
    Nascido em Portugal
    Verdadeira e única viola de arame.

    ResponderExcluir