Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

CONFRONTOS E CONFLUÊNCIAS

Nobrezas, é com grande sacrifício que venho postar o Confrontos e Confluências desta quinta-feira. Portanto, peço licença para deixar apenas os poemas dos poetas Mauro Gôuveia e Dulcinéia Carmona e só escrever algo a mais no sábado. O acréscimo virá na sessão dos comentário, ok? Até sábado, gentis!



SILÊNCIO x RESPOSTA
(Dulcinéia Carmona x Mauro Gouvêa)

Hoje, minha tristeza é maior // Ou seria pequena a minha existência?
Que o encanto que em tudo vejo, // e o meu desejo de encantar-me
Maior até que a magia que sinto // maior até que o meu defensivo instinto
No amor intenso que me distingue // Na chama cálida que se extingue
Da dor que sinto... // E que me sussurra em ecos no peito
Melhor ouvir o silencio... // e silenciar-me em meu leito
                 

5 comentários:

  1. Essa coluna continua em auto nível

    ResponderExcluir
  2. Quando a voz interior traz dúvidas,o melhor é silenciar e passar a ouvir o coração,seguir a intuição.

    ResponderExcluir
  3. UAU!
    Belíssimo dueto!
    Adorei! Sintonia pura!

    Beijo e parabéns aos dois!

    ResponderExcluir
  4. Conforme prometido, aqui vai algumas palavras sobre a coluna. Foi através do Recanto das Lestras que conheci a poesia de Mauro Gôuveia. Lá conheci o que ele chama de Poetrix. Onde o poeta funde seus poemas com o de outros; e, às vezes uma fusão de dois poemas de autoria própria. Escolhi o embate com a Dulcinéia Carmona porque acredito que esse poetrix representa com propriedade a essência do CONFRONTOS E CONFLUÊNCIAS. Espero que os leitores marcianos tenham gostado. Até mais ver!

    ResponderExcluir