Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

CONFRONTOS E CONFLUÊNCIAS

          Em 1971 o rock brasileiro (ou melhor, o rock) ganhou uma excelente pérola: Sociedade da Grã-Ordem Kavernista Apresenta Sessão das Dez. Miriam Batucada, Edy Star, Sérgio Sampaio e Raul Seixas eram os responsáveis pelo fato. Depois de algumas semanas de inatividade o CONFRONTOS E CONFLUÊNCIAS tem a honra de retorna ao único blog interplanetário das Américas com 50% do elenco do referido álbum de 1971: Sampaio e Raulzito!
          Sérgio Sampaio é tão maluco beleza quanto Raul Seixas, logo, confluências entre os dois é que não faltam. Até as suas vozes estão em sintonia. Ambos lançaram os seus primeiros discos solo em 1973. Raul conseguiu bem mais projeção de Sampaio. Do seu Krig-Ha Bandolo! saíram sucessos eternos como Mosca na Sopa, Metamorfose Ambulante, As Minas do Rei Salomão, Al Capone e Ouro de Tolo. Além do sucesso como cantor e compositor, Raul Seixas produziu o álbum de Sérgio Sampaio, Eu Quero é Botar Meu Bloco na Rua, que apesar de não ter alcançado nem de longe a vendagem do álbum de estréia solo de Raulzito, também representou um marco no rock brasileiro (digo, rock). Sem mais palavras, vamos ouvir os dois:


2 comentários:

  1. São duas canções realmente inesquecíveis! Agora, essa "Êta, vida" que eu não conhecia é bem atual. Acaba de virar um hino pessoal. Rs.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a postagem da semana, Célio já me doutrinou no quesiTO Raul. Aqui no POETAS DE MARTES ninguém vai precisar mais gritar: toca Raul! kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir