Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

domingo, 4 de março de 2012

Haicais de domingos

O trovador e o haicaísta

Vim de pairagem distante
Onde nem a saudade vai
Ver-te assim tão elegante
É muito bom, meu bom haicai

Entre, por favor,
em minha humilde casa,
caro trovador!

Ora, quanta gentileza
Dê-me licença de entrar.
O café está na mesa
como bem pude reparar!

Sente-se vamos!
Muito temos pra dizer.
faz alguns anos!?

Não quero tomar seu tempo.
Serei breve, eu prometo.
Trago em mim, um desalento:
Eu não sei fazer soneto.

Esse é o problema?
E as redondilhas que faz?
Largue o dilema!

Mas a inabilidade
de tercetos não conseguir
criar com facilidade
é tão difícil digerir!

Ponha-se a saber:
Pedra serve pra apanhar.
o mar, pra bater!

Oh, Haijin! Que desatino!
Confundiste-me a cabeça.
O quê o verso alexandrino
tem a ver? Me esclareça!

Deus, quando nos faz
nos dá dons e aceitá-los
deixa-nos em paz!

Abelha faz mel
A aranha, sua teia
O ourives, anel.

Agora vejo muito bem.
Cada qual tem sua sina.
O sabiá não voa além.
Não é ave de rapina!

Nem tampouco um cajueiro
se enfeita com abacates.
Quem nasce pra ser veleiro
nãó é, pois, nau de combate.

Deixe de lado
essa angústia,amigo
abençoado.


Assim como tu, também és!
Sou feliz, por sua amizade.
Vamos tomar nossos cafés
nesse lindo fim de tarde!

Cristiano Marcell

As entrevistas deste espaço passarão a acontecer a cada quinze dias.

9 comentários: