Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

quarta-feira, 6 de março de 2013

Alquimia da Madrugada

Orvalho nasce na madrugada
mágica Obra que desvanece
de cor o ouro prometido

Da rosa nasce todo o sentido
espelho da lua, água celeste
apodrecida mas sempre pura

Sal subtil que o tempo apura
Oh muda madrugada secreta
Guarda a indizível matéria

António Eduardo Lico

Um comentário: