Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

domingo, 10 de maio de 2015

.


2 comentários:

  1. Soneto-acróstico
    À mãe

    Outra não é que a pequena cicatriz
    Uma querida e maternal lembrança
    Menção à maternidade que ela quis
    Bastante amor deu àquela criança.

    Infelizmente há dúvida que se lança
    Gratidão pela vida que não tem bis
    Ou tão somente entrar nessa dança
    Amoque como um qualquer aprendiz.

    Mas mãe que é mãe, não tergiversa
    Briga com o mundo por seu rebento
    Inclusive se necessário, armas terça

    Garrida engalfinha-se contra o vento
    Um filho não deixa falta de conversa
    O mundo, dela não escutará lamento.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir