Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

sábado, 21 de julho de 2018

MEXENDO NA SUA RADIOLA: Wish You Were Here

Em meados de 2017 adquiri uma vitrola semiprofissional desde então trago na bagagem das viagens a Recife-PE meia dúzia de discos de vinil (novos e usados). A minha Meca fica na Av. Dantas Barreto onde conheci uns camaradas que não guardam a Pedra Negra, mas bolachas pretas que causaram e causam muita satisfação aos ouvidos tarados por música. Segue as dicas sobre umas das minhas últimas aquisições:

Wish You Were Here trata-se do 9ª disco da Banda Pink Floyd clara homenagem a Syd Barretts (gênio criativo dos primeiros anos da banda), assim como faz uma crítica a indústria musical, indústria essa que não é muito diferente da atual que só pensa no lucro, vide a música de massa sendo reproduzida ipsis litteris de América a América

Segundo os críticos esse é um disco que fez renascer o espírito da banda, com a gigante missão de vir na sequência do fuderoso The Dark Sid of The Moon. “Além de levar a preferência de muitos fãs, Wish You Were Here também é o favorito do antigo tecladista Richard Wright e do vocalista David Gilmour (Gabriel Tukunaga, 2015).

O disco conta com apenas cinco faixas, mas é um show de musicalidade e técnica. Destaque para a faixa título Wish You Were Here, aliás a minha preferida.

FICHA TÉCNICA:

Wish You Were Here
Artista: Pink Floyd
País: Inglaterra
Gravadora: Estúdios Abbey Road
Lançamento: 12 de setembro de 1975
Estilo: Rock Progressivo


FONTE

TUKUNAGA, Gabriel. Wish You Were Here: Pink Floyd. Disponível em: <http://www.planocritico.com/critica-wish-you-were-here-pink-floyd/>. Acesso em: 21 de jul. de 2018.

WISH YOU WERE HERE. Wikipédia. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Wish_You_Were_Here_(%C3%A1lbum_de_Pink_Floyd)>. Acesso em:  21 de jul. de 2018.


Ouça aqui:




Um comentário: