Viajantes Interplanetários

E-MARTE: Cadastre-se para receber nossas novidades em primeira mão!

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Poema de trabalhador

4 comentários:

  1. Noite, dia; sol, tempo; na labuta, adoece; a boca anoitece; e a solidão no entardecer.
    Gostei do mosaico-poético-circular... Uma boa "brincadeira" com as palavras dispostas.

    ;)

    ResponderExcluir
  2. Ficou legal.

    Talvez o círculo pudesse continuar, dando a idéia de que no outro dia continua a mesma coisa, num ciclo infinito.


    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu pela crítica construtiva, prezado amigo! Contudo a ideia que quis passar era justamente que o dia terminaria!

      Excluir